Aparados da Serra – Roteiro

DISTANCIA:

467km

DIAS:

8

AREA PEDALAVEL:

100%

OFFROAD:

20%

PARTES TECNICAS:

0%

DIFICULDADE:

6

TOTAL DE SUBIDA:

6660m

PONTO MAIS ALTO:

1467m

Essa rota inicia em Terra de Areia ou Itati, próximo do litoral gaúcho, onde é possível se abastecer de abacaxi, banana e caldo de cana a preços módicos. Os pontos altos desse roteiro se concentram em algumas das estradas mais conhecidas do Brasil e também atinge os pontos mais altos do Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Cruza-se a Rota do Sol (ainda no RS), Serra da Rocinha (divisa do estado), Rio do Rastro e Corvo Branco (já em SC). O roteiro contempla subidas intermináveis em trechos de asfalto, partes de estrada de cascalho em meio as plantações de pinus dos Aparados da Serra e alucinantes descensos em estradas de chão pouco movimentadas. O visual de absolutamente toda a viagem é cheio de mata atlântica selvagem, pouquíssimo poluído, de cultura muito hospitaleira. É possível acampar em diversos trechos e todos os dias você vai encontrar algo para comer no caminho.

O inverno é de frio rigoroso, o verão de sol escaldante e a previsão do tempo é praticamente imprevisível por se tratar de um trecho alto numa encosta litorânea.

Para chegar no ponto de início, é possível pegar um ônibus em Porto Alegre ou pedalar os 150km de asfalto bom e sem inclinação. Ao finalizar a rota existe a cidade de Tubarão, no meio da BR-101, onde é possível pegar um transporte coletivo para Florianópolis ou Porto Alegre com facilidade.

AGUA DISPONIVEL: 4 estrelas
COMIDA: 4 estrelas
CAMPSITE: 3 estrelas
LOJAS DE BIKE: 3 estrelas

++MINIATURA DO MAPA++ link do komoot

https://www.komoot.com/tour/177817842

TEMPORADA: Outono ou Inverno
CULTURA: Maior concentração de vertentes de águas cristalinas do país, menores temperaturas do país, caminho histórico durante a Guerra dos Farrapos, fauna e flora singulares contando a floresta de Araucárias e o Leão-Baio (Puma), geograficamente formado a quase 200mi de anos na separação do antigo continente de Gondwana.
VALE A PENA CONHECER: Cânions em Cambará do Sul e o Parque Nacional dos Aparados da Serra, Mirante da Serra do Rio do Rastro, Mirante da Serra da Rocinha, Morro da Igreja em Urubici (1800msnm), Pedra Furada em Urubici, Estátua da Índia Aiurê.
PNEUS: 35mm ou maiores

Bike Handling

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Pellentesque eu ex pharetra, gravida velit semper, blandit tortor. Pellentesque habitant morbi tristique senectus et netus et malesuada fames ac turpis egestas.